+244 938 695 730 | +244 915 254 704 | Brasil: +55 21 3172-2828 reservas@atbt.com.br

O México vai voltar a exigir vistos de brasileiros para a entrada no país. A medida, segundo informa documento publicado pelo governo mexicano, será temporária e visa desestimular a imigração ilegal para os Estados Unidos.

Ainda não foi divulgado, no entanto, a data para que a medida passe a valer.

Desde 2013, os viajantes saídos de cidades brasileiras precisavam apresentar apenas o passaporte ao desembarcar em solo mexicano.

A nova regra estabelece que um visto eletrônico será pedido aos brasileiros que chegarem de avião ao México. Caso a intenção seja entrar no país por terra ou mar, será necessário solicitar o visto às embaixadas ou consulados mexicanos. Serão abertas exceções aos cidadãos que tiveram visto ou permissão de residência do Canadá, Estados Unidos, Japão, Reino Unido e/ou países europeus que integram o Espaço Schengen. A Secretaria de Governo do México disse que a medida visa facilitar “a identificação de pessoas cujo perfil não se ajusta ao de visitante ou de turista genuíno e que apresentem inconsistências na documentação”.

A nota também menciona o “número significativo de pessoas” que usam “a não exigência de vistos de forma indevida”. Após um período de redução no número de imigrações ilegais durante a pandemia, o Serviço de Alfândega e Proteção das Fronteiras dos Estados Unidos registrou mais de 73 mil apreensões entre outubro de 2020 e setembro de 2021. Segundo dados da Polícia Federal do Brasil, só em agosto de 2021 cerca de 9 mil brasileiros foram presos enquanto faziam a perigosa travessia do México para os Estados Unidos. A situação como um todo gerou desgastes na imagem do governo do presidente norte-americano Joe Biden, que já vinha pressionando o governo mexicano a tomar medidas para evitar uma nova crise na fronteira.

 

FONTE: PORTAL PANROTAS

Share This