Devido ao surto de Coronavírus e ao forte impacto no setor de Viagens e Turismo em todo o mundo, a TAAG reviu sua política referente a alterações e reembolsos de bilhetes, conforme resumo abaixo:

Bilhetes com viagens marcadas no período de 19 de março a 31 de agosto de 2020

  • Permissão de uma alteração de data, gratuita, dentro da validade do bilhete. Se as datas remarcadas ainda se enquadrarem nas restrições atuais, uma nova alteração será permitida. A remarcação poderá ser feita a qualquer momento na classe de reserva original, após a reposição dos voos e a confirmação de operação. Se a classe de reserva original não estiver disponível, será cobrada a diferença tarifária;
  • Possibilidade de alteração de rota, aplicando diferenças e taxas aeroportuárias, se houver;
  • Reemissões permitidas para tarifas de valor igual ou superior, não havendo crédito em caso de downgrade;
  • Bilhete não voado: crédito no valor total pago;
  • Bilhete parcialmente voado: crédito a calcular (consulte-nos);
  • Reembolso: o prazo de ressarcimento será de até 12 meses, obedecendo às regras da tarifa adquirida. Em casos de tarifas não reembolsáveis, somente as taxas aeroportuárias serão devolvidas.

Caso ocorra alguma alteração no quadro atual de COVID-19, a política comercial será revista.

Dúvidas através do e-mail reservas@atbt.com.br.

Share This